sexta-feira, 29 de março de 2013

Vencer o Mal Pertence ao Senhor




De tanto ver e ser afligido pelo mal,
por pouco o coração não se me amargou,
sentindo a desventura de viver no mundo.

Pedi com a alma a Jesus Cristo,
que me livrasse deste corpo de morte,
e me arrebatasse à Sua presença na glória.

O meu sono era agitado, e minh’alma gemia,
a cabeça doía e a mente não achava paz,
porque turbado estava o meu coração.

Quando então, quase desesperava da vida,
inesperadamente o Senhor estendeu Sua mão,
e encheu-me a alma com Sua paz tão querida.

O mal já não mais me afrontava,
mas ainda estava lá como que me esperando,
todavia, totalmente vencido pelo amor,
sobrenatural do meu Senhor.

quinta-feira, 28 de março de 2013

Quem Chora Por Ti?




 Ai! Jovem delinquente!
Quem chora por ti?
O que te deram por herança,
sem a culpa dos teus pais?

Filmes e jogos violentos de vingança.
Uma sociedade corroída pelas drogas.
Pornografia ao alcance de uma criança.
Desrespeito, imoralidade, por toda parte.

Enumerar todas as tuas tentações,
oferecidas no prato sombrio da maldição,
seria tarefa difícil demais para ser cumprida.

Este mundo tenebroso que herdaste,
foi tecido  lentamente por gananciosos,
que venderam a virtude e a verdade,
pelo preço vil da perdição
de almas tão tenras como a tua.

Eis aí a realidade nua e crua,
com a qual sofrem os bons,
porque tudo isto é mais forte
do que o esforço que fazem os pais,
educadores e todos os demais
que lutam para a tua liberdade.

Compadeço-me de ti,
do mais profundo da minh’alma,
porque sei exatamente,
que és criança, adolescente,
a presa mais fácil
para as garras da mídia da maldade.




quarta-feira, 27 de março de 2013

Flores Que Caem ou que Dão Frutos





Pensamentos...
são como flores,
alguns são fecundos,
e produzem frutos.
Outros se desprendem,
caem por terra,
e não frutificam.

Se a árvore for boa,
estas flores que frutificam,
serão boas ações.

Mas se má for a árvore,
o fruto não será bom,
porque pensamentos maus,
produzem somente,
más ações.

segunda-feira, 25 de março de 2013

Somente Palavras não Salvam



“Ah... Jesus é muito bom!”
“Eu creio que Deus existe!”
“Ah...Deus é pai e cuida de nós!”
“Eu sei que Jesus é o Salvador.”
Palavras de um autêntico cristão?
Necessariamente, não.

Muito mais é necessário
do que fazer tais declarações.

Está declarado claramente
no ensino bíblico
qual deve ser o tipo de relação,
com nosso Senhor Jesus cristo.

Dizer que Ele é bom,
não me torna bom para ele.

Crer somente que Deus existe,
não me torna participante,
da sua própria natureza.

Saber que Deus é pai,
não me faz seu filho,
se não tiver sido convertido.

Saber que Jesus é o Salvador,
não é o mesmo que conhecê-lo,
como o Salvador da minha vida,
pela prova da santificação divina.

sábado, 23 de março de 2013

Não se Vive Fora da Videira



Por que a inclinação da carne,
isto é, da natureza humana
decaída no pecado,
é um estado permanente
de inimizade contra Deus?
Depois de ter criado
o primeiro homem,
Deus plantou um jardim para ele,
e o colocou no jardim,
onde havia também plantado
bem em seu meio,
duas árvores excepcionais,
a primeira, a árvore da vida,
e a segunda,
a árvore do conhecimento
do bem e do mal.
Ambas representavam
Respectivamente,
para o homem,
a vida e a morte.
E este significado
não foi removido,
e jamais será removido,
até que tudo se cumpra,
porque Deus tem colocado
diante de cada homem,
tanto a possibilidade da vida
quanto a da morte.
O homem,
apesar de ter sido criado
perfeito e bom,
à semelhança do próprio Deus,
sendo um agente moral livre
tende, tal como Adão fizera,
a se inclinar para buscar governar
e não a ser governado;
a fazer valer a sua própria vontade
e não a do Criador;
a ser independente
e não a criar laços
eternos de amor;
e assim agindo,
se envereda
por causa de suas atitudes
e comportamento
pelo caminho que conduz
à morte e ao sofrimento.
Deus não criou o homem
para que ele viva para si mesmo,
senão para o Seu Criador.
Não o criou
para fazer a sua própria vontade,
senão a do seu Senhor.
Isto não é um capricho,
mas uma demanda da vida,
porque não pode haver vida eterna
a não ser na comunhão
do homem com Deus,
participando da Sua natureza divina.
Como pode o ramo viver
Separado do caule que o sustenta?

Ciência Natural e Espiritual





Deus criou o homem e o chamou,
a conhecer os Seus mistérios.
Desejava que se investigasse
muito mais o mundo espiritual,
do que a criação natural.

Mas tendo o homem se desligado,
do Seu amoroso Criador,
por causa do pecado,
ficou assim incapacitado
de atingir o propósito
para o qual fora criado.

O homem espiritual morreu,
e perdeu a habilidade,
de ver o mistério de Deus,
o qual é Espírito.

O homem ficou limitado,
o somente habilitado,
a discernir o mundo natural.
Daí decorre a importância
que tem dado de forma
quase exclusiva,
à ciência natural.

Todavia, como o natural passa,
e não gera a plena humanidade,
que vem pelo conhecimento de Deus,
conhecimento este que é a vida eterna,
enviou-nos Deus o Senhor Jesus Cristo,
para que tornássemos a viver em espírito.

Ah! Quão maravilhoso é que tantos,
em toda a parte,
têm sido então capacitados,
a discernirem as coisas do espírito.

Um Tema Infinito





Não fala de algo além do evangelho?
Não se torna isto muito repetitivo?
De modo algum, e na verdade, eu digo,
este meu tema é bem característico.

O tema propriamente dito,
não é meu,
porque é um tema infinito.

Quanto mais dele se fala,
revelações frescas e novas,
sempre serão retiradas,
do tesouro inesgotável da Bíblia.

Nem Sempre nas Alturas




Reportamos a verdades conhecidas.
Fatos afirmados, de coisas vividas.
Vez por outra alço um voo,
nas aragens da imaginação.
Mesmo assim com muito cuidado,
para nunca tirar o pé do chão.

É bom planar vez por outra,
nestas imaginárias alturas,
mas enquanto aqui estamos,
é preciso viver na terra.

Onde realidades nos chamam,
num mundo de tantas carências,
e o dever e a consciência clamam
que tomemos as devidas providências.

Moldados na Interação Espiritual





Como as pedras do rio são moldadas à medida que interagem, aparando-se as arestas, de igual modo somos melhorados como pessoas, quando interagimos socialmente nas águas vivas do rio do Espírito Santo. 

sexta-feira, 22 de março de 2013

Poesia da Madrugada




Como o limiar entre a vida e a morte,
a madrugada se interpõe entre o dia e a noite.
Momentos em que geralmente dormimos,
como se não fôssemos mortos e nem vivos.

Nos geral nos encontramos todos,
na grande madrugada da existência,
porque se o nosso dia é a vida do céu,
e a madrugada as trevas da terra,
será então o despertar que nos espera,
vida, e mais do que vida, vida eterna.

Mas os que não despertarem do sono,
e permanecerem mortos no manto da noite,
jamais verão o raiar do sol da justiça,
que brilha na face do Senhor dos senhores.

quinta-feira, 21 de março de 2013

Um Dia a Festa da Carne Acabará




Para o espírito mundano
a festa nunca termina.
Tudo é riso e pilhéria,
chocarrice e bebedeira.

Mas um dia vem,
em que a festa termina.
Vem então choro e miséria,
para uma vida arruinada.

Nosso Senhor disse:
“Ai de vós os que agora rides!”

É porventura contra a alegria?
Não, de modo algum,
porque alegria é fruto
do Espírito Santo.

Mas esta alegria que nasce
e que morre com a carne,
em quem nunca chora
por causa do pecado,
porque vive sempre e somente
à cata de prazeres aqui na terra,
não terá qualquer lágrima
para ser enxugada por Deus,
como terão aqueles
que agora choram,
mas serão achados na glória,
sem qualquer tristeza ou dor.





A linguagem da alma e a do espírito




A música é a linguagem da alma, e a oração, a linguagem do espírito.
Deus é espírito, e portanto, se deleita e nos ouve, e entende, quando oramos no espírito.


terça-feira, 19 de março de 2013

A Vida Não Considera


Se Veste com Graça à Flor...


Glórias ao Rei





Um hino triunfal ao nosso Rei eterno,
ao autor e ao significado da nossa vida.

A Jesus seja a glória, o domínio e o poder,
porque ninguém mais governa como Ele.

No nosso coração estabeleceu o seu trono,
e com o seu cetro nos ensinou o caminho.

Não somente lhe entoamos hinos de louvor,
também lhe tributamos todo o nosso amor.

Estamos felizes por termos sido criados para Ele,
para o louvor da glória da sua infinita graça.

Para sermos servos, amados, amigos diletos,
enriquecidos pela sua vida espiritual e eterna.

sexta-feira, 15 de março de 2013

Não me Retirei




Poderia ter buscado
o refúgio bucólico
onde cantam os pássaros,
e o fluir do riacho,
acalmam a alma.

Poderia viver
à busca de prazeres
que me divertissem,
e de grandezas terrenas
que meu ego inchassem.

Poderia muitas coisas,
enquanto aqui vivesse,
mas ao fim, qual seria
a minha recompensa?

Como teria paz
na minha consciência,
sabendo ter vivido
num mundo caído,
perdido, sofrido,
onde de algum modo,
pudesse ter feito,
alguma diferença?

Nada buscando
para o próprio interesse,
mas gastando a vida
por amor ao próximo,
viajando em palavras,
pelo mundo afora,
não me dando descanso,
até ver concluída
a minha obra.

É Simples como se Afirma




A coisa mais importante desta vida
que nunca deve ser esquecida,
é a justiça que nos justifica.

Há muita doutrina por aí espalhada
que não é grão, é somente palha.

O único grão, a única semente,
da qual brota a vida eterna,
é a justiça do evangelho,
que pela fé nos salva.

É a justiça de Cristo oferecida,
lembremos sempre disso: OFERECIDA,
gratuitamente para ser recebida.

Não é de modo nenhum justiça requerida,
porque Deus a ninguém pede
que tenha sua própria justiça,
a ponto de ser digno de ser salvo.

É somente olhar para Cristo, e pronto!
É confiar somente nele para ser justificado.
É algo tão simples que muitos o rejeitam,
Pensando que não dá para ser acreditado.  

Mas é isto mesmo conforme está na Bíblia.
Basta estender a mão e pedir a Deus,
que nos salve por meio do Seu Filho amado.

domingo, 10 de março de 2013

Paz na Terra da Alma



Quando o amor invade o coração,
a alma explode numa linda canção.
Uma atmosfera calma nos alcança,
e gera de novo a esperança,
de se ter dias da mais pura poesia,
em todos os nossos pensamentos.

Toda escura e nefasta influência,
foge do nosso ser mais íntimo,
e o amor preenche a sua ausência.

Oh quão incomparável é isto...
ser assim penetrado pelo amor divino.
Tudo se faz céu em nós e ao redor.
A paz reina enfim na terra da alma,
e ali ficará, até que voltemos ao pó.

Porque Odeia o Pecado





Detesta o pecado,
oh quanto Ele detesta!
Justamente porque é o pecado
que destrói o homem
a quem tanto amou!

Revelou até que ponto
vai o seu ódio pelo pecado,
tomando sobre si a culpa
que era do pecador,
e a destruiu em si mesmo,
morrendo em terrível dor.

Não se viu sofrimento mais atroz,
e nunca será visto algo parecido,
com o que sofreu o Salvador.

Mas não há maior alegria
do que a que se seguiu à cruz,
porque ressuscitou dos mortos,
para livrar do pecado,
aqueles a quem tanto amou.

Ama o que é Real





Ama conhecendo a quem ama,
não ama com uma amor imaturo,
que não sabe qual é a verdade,
qual é a real personalidade,
de quem se ama.

Um amor assim não está sujeito,
a frustrações, decepções...
porque não se funda em ilusões.

Assim é o amor maduro,
de quem sempre está seguro,
apesar das imperfeições,
da pessoa a quem se ama.

Não me Condena



Nunca aprova o que eu faça de errado,
mas não me condena.
Assim é o meu Jesus amado,
em sua natureza.

Muito mais do que não condenar,
me absolve do pecado,
que lhe for confessado,
e remove a minha culpa.

Tudo porque havia me amado,
antes da fundação do mundo.

sexta-feira, 8 de março de 2013

Extirpando o Mal


Vivendo na Dimensão da Eternidade Venturosa




Nem todos sabem
ou estão plenamente conscientes
da verdade de que o homem
foi criado para ser eterno.

O espírito que somos
e que habita num corpo físico,
não pode ser aniquilado.

Tão somente, o que sucede
é a diferença das condições
em que ele subsiste.

Alguns estão apagados
e caminham em uma
condição eterna de desventura.

Outros foram alcançados
para a eternidade de ventura,
mas estão dormindo,
enquanto neste mundo.

E há outros ainda,
entre os quais me incluo,
que foram despertados
do sono profundo,
e que vivem, desde agora,
na dimensão
da eternidade de ventura.